treino

Treinamentos e cursos para os seus colaboradores

Os cursos profissionalizantes são uma alternativa viável e eficiente para quem quer se destacar no mercado de modo duradouro, porém, o quanto antes.

Afinal, ninguém pode perder tempo nos dias de hoje, não é mesmo?

O mercado do setor de treinamento, especialmente o de segurança, está crescendo e a disputa por vagas só aumenta.

Por isso, oferecer cursos na área é a melhor forma de garantir que seus colaboradores apresentem o melhor desempenho.

No artigo a seguir, confira como alguns cursos relacionados aos setores de segurança do trabalho, dos quais podem fazer toda a diferença em diversos segmentos empresariais e industriais.

Além disso, saiba como cada um deles contribui para a formação de um profissional mais capacitado e confiante.

Curso da Norma Regulamentadora – NR10

Com o principal objetivo de implementar medidas de controle e prevenção na garantia da segurança dos trabalhadores.

curso de nr10 é indicado para uma série de profissionais que procuram obter os requisitos necessários para trabalhar de forma plena e segura com instalações elétricas e serviços de eletricidade em geral.

Com os conhecimentos sobre as normas técnicas oficiais determinadas pelos órgãos competentes nesse setor, o profissional se torna mais preparado e completo.

Dessa forma, após esse tipo de curso NR, ele poderá lidar com todas as fases da instalação com praticidade, rapidez e, claro, alto desempenho, evitando acidentes e prejuízos.

Algumas das etapas que devem ser fiscalizadas por esse profissional são:

  • Geração;
  • Transmissão;
  • Distribuição;
  • Consumo;
  • Construção;
  • Montagem;
  • Operação;
  • Manutenção.

São muitas as vantagens de se qualificar adequadamente nesse setor, pois além de atender as exigências do Ministério do Trabalho com relação ao desempenho profissional, esse curso oferece a possibilidade de capacitação para oportunidades de emprego e ainda disponibiliza ao aluno os melhores conhecimentos técnicas.

Curso para a saúde

Além da segurança, também é preciso garantir o bem-estar de todos, não é mesmo? Afinal, os dois itens têm tudo a ver um com o outro.

Por isso, o Treinamento DEA é a melhor opção para quem busca reconhecer de forma mais rápida situações de emergência e intervir da maneira adequada.

Com teorias e práticas voltadas para técnicas de ressuscitação cardiopulmonar, o aluno se torna capaz de oferecer serviços especializados que auxiliam em momentos onde cada segundo pode fazer toda a diferença.

O modo de utilizar o desfibrilador DEA também é ensinado nesse curso, de maneira que o profissional formado na área possui condições de intervir especialmente em obstruções de vias aéreas, seja em adultos, crianças e até mesmo em bebês.

Entre os conteúdos da programação do curso estão:

  • Anatomia do sistema cardiovascular;
  • Anatomia do sistema respiratório;
  • Atendimento de emergência;
  • Desobstrução das vias aéreas;
  • Reanimação cardiopulmonar;
  • Utilização do desfibrilador.

Esse tipo de treinamento, portanto, é voltado para condutores de ambulâncias, acadêmicos da saúde, médicos, profissionais da segurança, bombeiros, etc.

No entanto, qualquer pessoa acima de 18 anos pode optar por fazer esse curso, adquirindo habilidades que podem salvar vidas quando você menos esperar.

Em muitas empresas, esse tipo de certificado pode ser o diferencial que falta para a contratação de um funcionário.

Manutenção do hidrante

Sabe aqueles hidrantes que você sempre vê na rua e nos estabelecimentos, especialmente nos de maior porte e com áreas mais fechadas?

Pode não parecer, mas eles exigem um conhecimento técnico apurado para serem utilizados da melhor maneira.

Existem diferentes modelos e os profissionais devem estar atentos quanto as características de cada um deles, assim como ao ambiente onde estão inseridos.

Os Hidrantes internos, por exemplo, são exigidos em muitos tipos de espaço fechado onde pessoas transitam com frequência, além de outros locais, conforme e recomendação dos órgãos de fiscalização.

Mas existem diferentes tipos de hidrante e todos eles são essenciais pra cada ambiente onde podem ser encontrados.

O hidrante solo, por exemplo, é aquele mais famoso, visto nas vias públicas.

Ele só pode ser acionado pelo Corpo de Bombeiros e conta com saídas para as mangueiras e uma válvula que oferece o controle da vazão da água ejetada.

Já o hidrante de parede, que oferece esguicho regulável e a praticidade de um porte mais acessível, está presente em vários tipos de empresas, estabelecimentos comerciais e até mesmo em residências.

O hidrante de recalque e o hidrante industrial são outros exemplos de modelos pertencentes à categoria.

Ao oferecer esses cursos aos seus colaboradores, é possível gerar mais qualidade no serviço, mais segurança no ambiente de trabalho e mais confiança no cotidiano da empresa.

Leave a Comment