Como as revoluções sociais podem impulsionar seu comércio eletrônico

O comércio eletrônico é um campo em expansão no Brasil. Isso, combinado com o fato de que agora é possível vender quase tudo online, desde bebedouro de coluna inox 220v a eletrodomésticos, levou muitas pessoas com sonhos empreendedores a considerar abrir um negócio nesta área.

Embora essas estatísticas provem que é mais fácil ter sucesso no comércio eletrônico do que em outros campos, isso não significa que o sucesso seja instantâneo. Como em qualquer outro estabelecimento, é fundamental investir em publicidade e criar valor junto ao cliente. Caso contrário, a loja provavelmente passará despercebida por eles.

Quer saber mais? Então, continue lendo e conheça algumas tendências de mídia social que vão ajudar a impulsionar o seu e-commerce.

Dando voz aos seus clientes

Hoje, sabemos que a criação de conteúdo é essencial para a criação de valor para uma empresa, e o comércio eletrônico não é exceção. Estar nas principais plataformas, fornecendo-lhes conteúdo relevante, é uma das melhores técnicas para atrair e reter clientes.

O que nem todas as empresas consideram é que o estabelecimento nem sempre tem de falar de si. Não há nada que os impeça de usar o conteúdo gerado pelo cliente para alimentar sua rede. Por exemplo, no caso de um estabelecimento que vende churrasqueira de inox gourmet, seria interessante compartilhar receitas e dicas de uso que o próprio público compartilha nas redes sociais. Dessa forma, é como se uma pessoa que pensa em comprar este produto recebesse uma recomendação de um amigo e conhecido.

Forneça informações úteis

Não há dúvidas de que divulgar as diferenças do seu produto nas redes sociais é fundamental para aumentar as vendas. No entanto, deve-se notar que hoje, o público não está mais respondendo às estratégias tradicionais de publicidade como no passado. Hoje, eles estão procurando informações relevantes para ajudá-los a tomar decisões de compra.

Por isso é interessante que a sua empresa se posicione como fornecedora desses dados. Por exemplo, digamos que ele esteja vendendo equipamentos para construção civil, nesse caso pode ser possível criar um conteúdo para uma rede social que não só alarde sua diferença, mas também explique como melhor usá-la, e até mesmo contraindicações ao seu uso. .

Embora você possa ter que pagar uma venda ou duas, o número de clientes satisfeitos ainda está crescendo. Além disso, a empresa se posiciona como especialista em sua área.

Não se esqueça da otimização

Nem todo conteúdo criado nas redes sociais é visto pelos usuários. A razão por trás disso é o fato de que a seleção do que é exibido para cada um é feita por um algoritmo, ou seja, um pedaço de código. A ideia é garantir que cada pessoa veja apenas o que é relevante para ela.

O problema é que, com isso, as empresas podem ter dificuldade em ser notadas no feed do usuário. Para evitar que isso aconteça, recomendamos que todas as mensagens sejam otimizadas por meio de técnicas como:

  • Uso de palavras-chave;
  • Use hashtags;
  • Use imagens bem desenhadas;
  • Publicado em um momento estratégico.

Desta forma, o número de pessoas que terão acesso ao seu conteúdo é maximizado.

Integrando seu site e sua rede

Nem todos sabem disso, mas é possível integrar as páginas que os usuários visitam em seu site com o que eles veem em suas redes sociais. Por exemplo, se eles virem camisas de silicone amarelas em sua loja virtual, mas não concluírem uma compra, você poderá usar uma ferramenta para exibir esse produto em anúncios de mídia social.

A boa notícia é que as próprias redes fornecem as ferramentas para isso. Por exemplo, o Facebook oferece um Pixel: é um código colocado em seu site que permite rastrear as características de seus visitantes. Assim, é possível criar anúncios personalizados, com base nos produtos que consultaram e até ver se realmente os colocaram no carrinho de compras.

consultório

Estratégias digitais para promover seu consultório

Devido à má qualidade do SUS, uma parcela significativa da população optou por utilizar serviços privados, por meio de um plano de saúde ou pagando diretamente a um profissional.

Com isso, o mercado nacional de serviços da região é considerado um dos mais promissores e competitivos do mundo. Com o advento do marketing digital, esse fato se torna ainda mais verdadeiro. De fato, não basta mais ser um excelente especialista: seus potenciais pacientes devem saber disso.

Assim, quem quiser abrir um consultório ou clínica deve investir em publicidade. Caso contrário, mesmo que o estabelecimento tenha especialistas famosos, ele falhará. Se quiser saber mais sobre o assunto, continue lendo e conheça algumas dicas de estratégias digitais para impulsionar suas operações:

Construção de personagens

Empresa de instalações elétricas e hidráulicas e operações médicas O que vocês têm em comum? Simples: ambos devem criar personalidade para sua estratégia de Comunicação visual em acrílico. Estes nada mais são do que arquétipos detalhados do cliente ideal, definidos por determinados aspectos, como:

  • Idade;
  • Poder de compra;
  • Dor;
  • Demanda.

Vale lembrar que montar um personagem é muito diferente de segmentar o público-alvo: se for uma descrição genérica, trata-se de um personagem semi-ficcional, algo muito mais completo.

A criação desse arquétipo é possível quando a estratégia é direcionada à uma pessoa concreta, de forma a todos os profissionais envolvidos poderem se orientar muito melhor. Consequentemente, os resultados são muito interessantes.

Crie uma identidade visual

Uma vez que o consultório já saiba quem vai atender, chega o momento de elaborar algo fundamental para o sucesso de sua estratégia de marketing digital: a identidade visual da marca. Como ela estará presente em praticamente todas as peças usadas pelo estabelecimento, ela deve ser elaborada por uma empresa de comunicação visual, de modo que realmente represente a proposta do negócio e ajude a atrair clientes.

Um bom exemplo que define a identidade visual para esse segmento são formas desenvolvidas por Fábrica de placas de sinalização personalizadas, que são essenciais para transmitir avisos e alertas em uma clínica.

É importante reiterar que quando se trata de marketing digital, é fundamental que a identidade desenvolvida seja flexível e reprodutível. A razão é que os elementos gráficos estão sempre presentes na hora de promover um negócio pela internet. Portanto, se não forem suficientes, os resultados da estratégia não serão suficientes.

Invista em Mídias Sociais

Não há escritórios suficientes no escritório no momento para ter uma mesa de acrílico cheia de pastas com informações sobre os profissionais que trabalham lá. É fundamental que esses dados estejam no lugar do seu potencial paciente, ou seja, na internet, principalmente nas redes sociais. Por esse motivo, investir neles é praticamente necessário para que seu negócio seja efetivamente público.

De referir que existem vários tipos de redes e é importante verificar qual a melhor rede para a sua instalação. Por exemplo, no caso de uma clínica de medicina do trabalho que realiza exames de admissão e de saída, pode ser mais interessante investir em redes mais profissionais, como o LinkedIn. Outros, como Facebook e Instagram, também merecem atenção, mas em menor escala.

Produza conteúdo de qualidade

Por fim, lembre-se que não existe estratégia de marketing digital de sucesso sem produzir conteúdo de qualidade, tanto nas redes sociais quanto nos blogs. Afinal, além de ajudar potenciais pacientes a encontrarem você com mais facilidade nos buscadores, também o torna uma autoridade e referência em seu nicho. Isso fará com que mais pessoas confiem em suas instalações quando se trata de tratamento de saúde.

Recorde-se que, embora o texto seja o formato mais comum para atingir este objetivo, a grande quantidade de conteúdos publicados diariamente torna necessária a utilização de outros suportes. Por exemplo, o vídeo está se tornando cada vez mais popular: é a escolha perfeita para explicar temas mais densos de uma forma mais leve, o que é extremamente útil em áreas como a medicina. No entanto, para que essa estratégia funcione, é fundamental que o conteúdo seja elaborado profissionalmente, pois o público perceberá e rejeitará qualquer sinal de amadorismo.

Este texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimentos onde você encontra centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

White cat lies on woman's knees

7 dicas de marketing para pet shop

É comum que as empresas, em especial as pequenas e médias, enxerguem o investimento em marketing como desnecessário ou passível de corte em caso de necessidade – um erro que pode ser determinante para o sucesso do negócio. No Brasil, onde o mercado pet espera faturar até R$ 40 bilhões em 2020, a concorrência é grande. E o marketing para pet shop é essencial para ser visto, lembrado e consumido.

Instagram-ads

Sua agência de publicidade sabe como gerar leads no Instagram?

A rede social começou devagar mas, atualmente, garantiu seu posto entre os canais mais utilizados pelas empresas para vender, fortalecer a marca e se relacionar com os clientes. Mas você pode estar se perguntando: como uma rede social que tem como principal atividade a postagem de fotos e vídeos curtos, pode fazer com que sua empresa possa gerar mais leads?