empresa

Métricas de SEO: como definir e acompanhar?

O sucesso do SEO é frequentemente considerado algo difícil de acompanhar, mas não deveria ser assim. Existem certas métricas de SEO que os sites podem monitorar para avaliar o sucesso de suas táticas.

Aqui estão as 4 principais métricas de SEO que consideramos que todos os donos de sites deveriam acompanhar:

Métricas de SEO: Leads e/ou vendas

Seu site deve ajudar o seu negócio e, em alguns casos, ele pode ser o seu próprio negócio! De qualquer forma, seu site precisa coletar leads, seja ele um site de geração de leads, ou de venda de produtos. Por exemplo, se uma loja de roupas que vende blusas femininas sociais e tem diversas páginas sobre produtos, mas nenhuma esteja recebendo tráfego suficiente para gerar vendas, provavelmente o seu proprietário terá dificuldades para fechar o mês positivamente.

Sem leads ou vendas, sua empresa não pode sobreviver, então acompanhar o impacto de sua campanha de SEO sobre eles é fundamental.

Leads

Vamos começar com sites de geração de leads. Normalmente, os sites de geração de leads levam os visitantes a preencher algum tipo de formulário que inclui o nome da pessoa, número de telefone e endereço de e-mail. A empresa então usa essas informações de contato para qualificar o lead e ver se ele é adequado para o produto/serviço.

Para acompanhar leads, você precisará contar os formulários preenchidos. Se o preenchimento do formulário em seu site leva o visitante a uma página de destino única, como uma página de “agradecimento”, você pode simplesmente configurar uma meta de destino no Google Analytics para ver quantas pessoas acessaram essa página.

Vendas

Para acompanhar as vendas em seu site, você deve configurar o acompanhamento de Ecommerce no Google Analytics. Por exemplo, um site de eCommerce sobe saúde e bem-estar que vende óleos essenciais e produtos para higiene nasal vai querer saber qual o volume de transações que o seu produto lota higienizador nasal teve ao longo de um período para poder avaliar sua performance.

Sendo assim, existem dois tipos de acompanhamento disponíveis: acompanhamento de Ecommerce padrão e acompanhamento de Ecommerce avançado:

  • Os relatórios de Ecommerce padrão no Google Analytics permitem que você analise a atividade de compra em seu site ou aplicativo. Você pode ver informações sobre produtos e transações, valor médio do pedido, taxa de conversão de comércio eletrônico, tempo de compra e outros dados.
  • O Ecommerce avançado tem mais funcionalidades, permitindo que você veja quando os clientes adicionaram itens aos carrinhos de compras, quando iniciaram o processo de finalização da compra e quando concluíram uma compra. 

Tráfego Orgânico

Como você já deve saber, um dos principais objetivos de uma campanha de SEO é direcionar mais tráfego para seu site a partir da pesquisa orgânica. Afinal, o tráfego da pesquisa orgânica é gratuito. Então, como você pode acompanhar o desempenho do seu tráfego orgânico?

Volte ao Google Analytics, Aquisição> Canais> Pesquisa orgânica e você verá “Sessões” como a primeira coluna. Esse é o número que você deseja olhar; sessões são definidas pelo Google como “um grupo de interações que ocorrem em seu site dentro de um determinado período de tempo”.

Palavras-chave

Finalmente chegamos ao clássico SEO KPI (Key Performance Indicator), classificações de palavras-chave. Uma boa classificação para palavras-chave importantes é uma parte crítica de qualquer estratégia de SEO, já que classificações altas de palavras-chave ajudam a direcionar mais tráfego para o site.

Existem muitas ferramentas excelentes que o ajudarão a fazer pesquisas de palavras-chave e, em seguida, acompanhar as classificações de seu site para elas ao longo do tempo.

Backlinks e domínios de referência

Junto com a qualidade e o marketing de conteúdo relevante, os backlinks são o fator de classificação mais importante quando falamos de métricas de SEO. Por isso, é importante que você acompanhe os backlinks que apontam para o seu site. No entanto, há algumas coisas que você deve ter em mente quando se trata de backlinks:

  • O número total de backlinks importa. Embora não seja incomum ver uma página com menos backlinks ultrapassando a concorrência, se você tiver 20 backlinks e o resultado número 1 tiver 20.000, é quase impossível você o superar.
  • A relevância e a qualidade dos sites com links levando a você são importantes. Se você vende dispositivos médicos e está recebendo milhares de backlinks de um site que vende ingressos para shows, o Google provavelmente considerará esses links como spam e pode até penalizá-lo por eles (nesse caso, você rejeitaria esses backlinks). O mesmo acontece se você estiver recebendo muitos links de sites com spam.
  • A diversidade dos domínios de referência (ligação) é importante. Os mecanismos de pesquisa analisam os backlinks totais e quantos sites diferentes possuem links para você. 10 backlinks de 500 sites é normalmente melhor do que 2.000 backlinks de 2 sites.

Acompanhe as suas métricas de SEO

Embora existam dezenas de métricas de SEO diferentes que você pode acompanhar para avaliar o desempenho de sua campanha, acreditamos que esses são os 4 KPIs mais importantes para SEO que qualquer profissional de marketing digital que se preze deve acompanhar. Confira também nosso artigo com 6 dicas para aumentar a conversão de sua loja virtual.

Leave a Comment