pexels-oleg-magni-2058128

O que é landing page para cursos e por que é importante ter uma?

Se você gostaria de ensinar algo pela internet, saiba que ter um site para hospedagem das aulas – com uma landing page para cursos – pode fazer o seu negócio decolar e vencer toda a concorrência existente no mercado.

Essa estrutura de ensino a distância contribui para uma boa gestão dos conteúdos e também ajuda a formar uma base de contatos de seus futuros clientes (ou seja, os leads) – o que pode representar uma boa fonte de renda.

E o mercado de cursos online está muito aquecido! Para você ter uma ideia, em 10 anos (entre 2009 e 2019), o número de alunos matriculados no EAD aumentou mais de 378,9% – de acordo com o Censo da Educação Superior, do Inep, divulgado no final de 2020.

Enfim, e na prática, como funciona uma landing page? Por que é importante ter uma na sua estratégia digital? Como criar uma landing page para cursos em simples passos? É isso o que você vai conferir na sequência. Boa leitura!

O que é uma landing page para cursos?

Se você já está familiarizado com algumas estratégias de marketing digital, deve ter ouvido falar de termos como lead, formulário e conversão.

O papel da landing page é conectar tudo isso em um único lugar! Ou seja, é a “página de pouso” do seu site, onde o usuário chega, entende melhor sobre você e seus cursos, manifesta interesse em contar com seus serviços, preenche um formulário com os dados e, consequentemente, realiza uma conversão.

Outro ponto interessante de um site + landing page é que essa plataforma traz os recursos do comércio eletrônico, já que serve como uma loja virtual, com carrinho de compras e tudo mais.

E esse mercado também está em alta: no ano passado, a participação do e-commerce cresceu, em 6 meses, o equivalente a 6 anos do período pré-pandemia (segundo levantamento da Fecomércio-SP).

Por que é importante ter uma landing page para cursos?

Porque ela permite que os usuários se tornem leads – que nada mais são que pessoas interessadas em consumir seus conteúdos. Em outras palavras, são clientes potenciais – que já deixaram alguma forma de contato no seu site.

Toda vez que uma pessoa preenche o formulário na sua landing page, os dados vão para uma lista de segmentação (muitas ferramentas de envio de email marketing oferecem esse recurso).

Depois, você consegue usar esses dados coletados para enviar conteúdos (como promoções e novidades), tendo mais possibilidades de aumentar as vendas.

Como criar a sua landing page? Aprenda em 3 passos!

Continue a leitura e entenda quais são os passos principais para montar uma landing page de qualidade e que seja, realmente, eficiente.

1. Contrate uma plataforma EAD

O primeiro passo para ter uma landing page para cursos é contar com uma estrutura digital pronta, o que dispensa a necessidade de você programar o site manualmente.

As plataformas EAD são uma boa pedida – já que, além da página de captura de dados (customizada com os campos de formulário que você determinar), elas oferecem uma série de funcionalidades que ajudam a gerenciar os seus cursos, como:

  • Espaço para hospedagem das aulas gravadas em vídeo;
  • Aulas ao vivo com chat;
  • Aplicação de provas online (com correção automatizada);
  • Fórum de comunidade, que incentiva a troca de ideias entre os alunos.

Com a plataforma em mãos, você conseguirá planejar o conteúdo da landing page. É bom que ela tenha uma breve apresentação do seu curso, bem como os módulos disponíveis, os preços e diversos calls-to-action que induzam à compra.

2. Faça a configuração do domínio

Após contratar a plataforma EAD, é necessário configurar o seu domínio – que é o endereço que você usará para o site e, no fim, para a landing page.

Apesar de algumas plataformas EAD já oferecem um subdomínio atrelado ao site, você também pode optar por comprar um pelo GoDaddy.com, pelo HostGator ou mesmo pelo Registro.br.

Neste vídeo, fica bem explicado como funciona o processo: https://www.youtube.com/watch?v=8fttK0rhaAg

3. Crie uma política de privacidade

Com a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais) em vigor, os sites que coletam e administram os dados de um usuário na internet precisam criar uma política de privacidade.

Isso garante à pessoa que, ao preencher um formulário (ou mesmo ao navegar pelas páginas do site), nenhum dado dela será usado indevidamente. Geralmente, a política de privacidade contém:

  • Informações gerais sobre sua empresa, como CNPJ e outros contatos;
  • A forma como você recolherá os dados do usuário;
  • Para qual finalidade os dados serão usados;
  • Se as informações serão utilizadas por terceiros (Google e as redes sociais);
  • A garantia de proteção de dados sensíveis.

Bom, como sua landing page para cursos captará informações do usuário, é essencial que você elabore esse documento. A boa notícia é que existem alguns modelos que a própria plataforma EAD te fornece!

Para complementar, o site do SERPRO (Serviço Federal de Processamento de Dados) tem um guia com recomendações sobre a política de privacidade. Vale a pena ler aqui.

E depois de implementar sua landing page, o que fazer?

Depois de trabalhar com o processo de implementação, é importante ficar de olho em alguns detalhes, por exemplo:

Divulgue na internet

Agora que você já tem sua landing page, precisa divulgá-la em suas plataformas digitais – principalmente nas redes sociais.

Você pode criar posts regulares, convidando as pessoas a se cadastrarem na página e a comprarem seus cursos. Caso você tenha promoções ou outras estratégias de venda, pode patrocinar essas postagens.

Já sabe como criar campanhas nas mídias sociais? Este vídeo ensina a mexer no Gerenciador de Anúncios do Facebook: https://www.youtube.com/watch?v=hbKXQgWjxt8

Abasteça os leads com conteúdos

Com a divulgação da landing page, você perceberá que os acessos no seu site vão aumentar – e os usuários começarão a se cadastrar no formulário.

Depois de reunir os dados desses leads, chegou o momento de abastecê-los com materiais sobre o seu negócio! Você pode produzir conteúdos com mais detalhes do curso, como ebooks e apostilas, ou mesmo criar um blog e publicar matérias sobre assuntos diversos.

Mais para o lado comercial, é possível enviar comunicações por email – com promoções, cupons de desconto e novos cursos.

E aí, pronto para criar sua landing page para cursos?

É hora de colocar as dicas em prática! O bom de investir na internet é que você tem total controle sobre as métricas de desempenho – e pode fazer melhorias no decorrer do processo.

Se você contratar uma plataforma EAD, terá acesso a uma área de marketing e a ferramentas como o Google Analytics – que permitem que você tenha um panorama sobre os acessos, a taxa de rejeição e a origem de cada um dos leads.

Quer saber mais? Confira neste vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=grI9KWGRmNw

Muito obrigado pela sua leitura. Até a próxima!

Este conteúdo foi escrito pela equipe da EAD Plataforma, uma plataforma online de ensino a distância que te permite criar e vender cursos na internet. Simples, intuitiva e com preço acessível, a EAD Plataforma atua no mercado desde 2014 e já conta com mais de 1200 clientes. 

Tags: No tags

Leave a Comment