indústria

Equipamentos de segurança e desempenho para indústrias

A indústria tem um potencial econômico enorme para o desenvolvimento do país e por isso emprega uma quantidade enorme de trabalhadores.

Para que todos os processos desenvolvidos nos mais diversos segmentos sejam proveitosos e tenham alto desempenho é essencial que o ambiente de trabalho seja o mais seguro possível.

É essencial que todas as recomendações técnicas de segurança do trabalho sejam obedecidas pois nesses ambientes há movimentação de maquinário pesado, trabalho envolvendo fogo, temperaturas elevadas, substâncias muitas vezes tóxicas.

No geral, é um local que requer a máxima cautela para que acidentes não aconteçam. Para isso é necessária adoção de equipamentos de segurança diversos. Conheça alguns:

Quais são os equipamentos de segurança básica

Um dos itens mais básicos da segurança de qualquer lugar é o extintor de incendio, que deve estar presente, em empreendimentos de qualquer porte para um combate mais imediato.

Que pode evitar que pequenos focos de incêndio, que poderiam ser facilmente contidos, se transformem em algo de proporção muito maior pela falta de um instrumento adequado.

Os incêndios são distinguidos por classes, considerando os materiais incendiários, e, portanto, os equipamentos adequados para lidar com cada tipo também recebem uma divisão.

O extintor classe K, por exemplo, é a ferramenta adequada para apagar incêndios em cozinhas, com queimas provenientes de gordura, óleo e banha, pois forma uma camada protetora, que paralisa a combustão.

Outro item de segurança de extrema importância é a lanterna de segurança. O apetrecho é de uso manual e com funcionamento à pilha, o que garante proteção contra acidentes mesmo em caso de avaria na ferramenta.

A composição lanterna a prova de explosão é diferente da comum. Enquanto a lanterna de segurança é revestida de plástico para evitar que não haja estouros em ambientes com risco de explosão.

É importante salientar que as lanternas comuns, facilmente adquiridas em lojas de varejo, não apropriadas para uso industrial, por não atenderem aos requisitos necessários.

A lanterna de segurança deve ser adquirida em locais que vendam equipamentos para proteção industrial.

Além destes itens básicos de segurança geral, as normas regulamentares (NRs) estabelecem a utilização dos chamados equipamentos de proteção individual (EPIs), compostos por itens utilizados pelos próprios funcionários para proteção individual. São eles:

  • Capacete;
  • Luvas de segurança;
  • Respiradores e máscaras;
  • Óculos de proteção;
  • Botas e botinas;
  • Protetores auditivos;
  • Macacões.

Além destes equipamentos mais comuns no dia a dia de um indústria, alguns outros podem ser necessários em casos específicos, como cinturões para trabalhadores em elevações.

Cabe à empresa fornecer os EPIs adequados às necessidades que cada tarefa e ambiente exigem, além de treinamento constante para sua correta utilização.

Que equipamentos usar para aumentar o desempenho?

Passada a preocupação inicial com a segurança dos trabalhadores, é hora de se preocupar com equipamentos que garantam alto desempenho para os negócios, ajudando na otimização dos procedimentos.

Como exemplo pode-se tomar uma cozinha industrial. Para que os processos sejam realizados com a máxima eficiência é preciso fazer uso dos equipamentos adequados.

Os utensílios de capacidade industrial se fazem necessários para agilizar os processos, pois na hora de grande movimentação das cozinhas.

Os ingredientes precisam estar no estado mais adiantado possível para que na hora da preparação final, seja feita só a montagem e finalização.

Um equipamento muito útil para agilizar os processos em uma cozinha é multiprocessador industrial, que como o próprio nome indica, faz a função de vários aparelhos em um único.

Com ele é possível moer, bater, ralar, cortar, amassar e processar diversos tipos de alimento, inclusive ao mesmo tempo, garantindo a agilidade necessária para o preparo dos alimentos.

O multiprocessador também garante a economia do espaço, o que é excelente, considerando toda a movimentação de uma cozinha industrial nos seus horários de pico.

É muito mais vantajoso ter vários aparelhos em um só, do que vários espalhados

Ao utilizar o processador a preocupação com a segurança volta a ser uma pauta. Devido a todos os seus acessórios, como lâminas de diversas espessuras, é necessário ter cuidado ao manipular o instrumento para que não ocorram acidentes.

Um equipamento potente unido à falta de atenção ou uma distração momentânea podem ser uma combinação bastante perigosa.

Os procedimentos de segurança dos trabalhadores devem ser uma das preocupações de qualquer empresa ou indústria, incluindo as cozinhas profissionais.

Se na indústria as preocupações são determinadas por normas regulamentadoras, no segundo ambiente vale o profissionalismo.

O cuidado pessoal e a atenção máxima ao uso seguro dos equipamentos, que também são potenciais fontes de acidentes, se não utilizados da maneira correta.

Leave a Comment