pexels-mw-studios-90319

Como escolher um papel de parede para o quarto

Na hora de decorar a casa é necessária uma atenção prioritária para o ambiente do quarto, afinal ele é o cômodo que mais deve refletir os seus gostos e a sua personalidade como um todo.

No momento de escolher os móveis do quarto ou até mesmo um papel de parede para essa região da casa, é fundamental ter muito cuidado e atenção, afinal é um espaço que deve ser moldado única e exclusivamente para você.

São escolhas grandes, pois você ficará com os mesmos móveis e papéis de parede por um tempo relativamente grande antes de cogitar trocar. Continue lendo para conferir algumas dicas para escolher o papel de parede ideal para o seu quarto.

Defina o seu estilo

Escolher um papel de parede não precisa ser uma tarefa difícil. O primeiro passo é definir o estilo que você quer colocar no ambiente. Por exemplo: em um quarto infantil são empregados temas mais lúdicos e coloridos, pois é um ambiente onde a criança deve se sentir alegre.

Já em quartos de bebês recém-nascidos, o mais buscado é o sentimento de serenidade e a paz de uma noite de sono bem dormida, portanto, os pais costumam investir em papéis de parede em tons pastéis, priorizando nuances de azul e amarelo.

Quartos de adolescentes costumam ter estampas geométricas e cores mais modernas, pois representam um lugar onde o jovem pode expressar sua autenticidade. 

Quartos de casais precisam de atenção especial, pois é necessário aliar o estilo de duas pessoas, que podem ser muito diferentes. 

Nesses casos, o ideal é apostar em tons neutros como cinza, branco, bege e tons off-white, que são modernos e deixam espaço para que ambos possam expressar sua personalidade em outras áreas do ambiente.

Lembre-se de que o papel de parede pode ser aplicado em todas as paredes do ambiente, mas também pode ser colocado em apenas uma. Leve essas duas opções em consideração na hora de escolher qual papel de parede você colocará no seu quarto.

Lembre-se do tamanho do ambiente

As cores e padrões geométricos podem influenciar na amplitude do ambiente e fazer com que você se sinta em um lugar maior ou menor do que o real. 

Caso o seu quarto seja pequeno, aposte em tons claros e sem estamparias, como um branco ou off-white, pois eles aumentam a amplitude do ambiente.

Em quartos maiores você pode ousar sem medo, usando padrões geométricos e até tons escuros. Apenas fique atento às cores escuras para que elas não prejudiquem a iluminação do ambiente.

Ainda sobre iluminação, o ideal é aproveitar ao máximo a luz natural do quarto, porém abajures e spots de luz podem ser muito bem-vindos em lugares onde as janelas não são muito grandes. 

Na hora de escolher o papel de parede, lembre-se que cores claras refletem a luz e cores escuras a absorvem, portanto, caso as suas janelas sejam pequenas, prefira as claras.

Papel de parede não tem gênero

Quando vamos às lojas de decoração, muitas vezes nos deparamos com seções femininas e masculinas de papéis de parede, sendo que algumas estampas podem ser:

  • Flores;
  • Nuvens;
  • Carros;
  • Bailarinas;
  • Entre outros.

Porém, ao tentarmos encaixar a nossa personalidade nessas categorias, podemos acabar deixando passar o papel de parede que mais combina com o nosso estilo. Portanto, na hora de fazer as suas compras, não se prenda aos gêneros e olhe todas as opções disponíveis.

Além disso, uma dica importante na hora de escolher o papel de parede é pensar na combinação do item com a decoração escolhida, assim você já saberá se as paredes ficarão sobrecarregadas.

Texto: Gustavo Marques

Tags: No tags

Leave a Comment